Google Translate

Google Connect

Google+ Followers

domingo, 11 de novembro de 2012

Benedito C G Lima Dia de Chuva

Dia de chuva


Benedito C.G.Lima

A música pluvialmente tamborilha

No telhado velho com monotonia

E o sono toma conta assim da gente

Nada a nossos olhas já perfila...

Cada pingo soa puro poesia!


O ar ganha perfume e o céu fica escuro

A chuva forte abate e derruba o vaga-lume

Que debate em desespero no barro puro

E o sol se esconde no horizonte de ciúmes
 Benedito C.G.Lima

Posts Mais Acessados